Terça, 16 de Agosto de 2022
Câmara dos Deputados Câmara dos Deputados

Comissões vão debater protocolo de tratamento da obesidade em adultos e idosos

Paulo Sérgio/Câmara dos Deputados Dr. Zacharias Calil propôs a audiência As comissões de Defesa dos Direitos da Pessoa Idosa; e de Seguridade Soc...

01/07/2022 às 19h25
Por: Redação Fonte: Agência Câmara de Notícias
Compartilhe:
Dr. Zacharias Calil propôs a audiência - (Foto: Paulo Sérgio/Câmara dos Deputados)
Dr. Zacharias Calil propôs a audiência - (Foto: Paulo Sérgio/Câmara dos Deputados)

As comissões de Defesa dos Direitos da Pessoa Idosa; e de Seguridade Social e Família da Câmara dos Deputados vão realizar audiência pública conjunta na quarta-feira (6) para discutir com representantes do governo e especialistas sobre o protocolo de tratamento da obesidade em adultos e idosos. A reunião começará às 15 horas, no plenário 12.

Ao propor a audiência, o deputado Dr. Zacharias Calil (União-GO) questionou o Protocolo Clínico e Diretrizes Terapêuticas para Sobrepeso e Obesidade em Adultos, estabelecido pelo Ministério da Saúde desde novembro de 2020. "Não houve indicação de qualquer medicamento para o devido tratamento", lamenta o deputado. "Isso os prejudica muito, pois parte deste público não consegue tratar a obesidade somente com a alteração da alimentação, da inserção da atividade física e do auxílio psicológico."

Segundo dados da última pesquisa Vigilância de Fatores de Risco e Proteção para Doenças Crônicas por Inquérito Telefônico (Vigitel) 2020, 21,5% de pessoas estão com obesidade no Brasil. O índice é quase o dobro quando comparado com os últimos 14 anos. Já entre os idosos, a prevalência de obesidade aumentou de 16,1% para 23%.

Dr. Zacharias Calil defende uma linha de cuidado que considere, além da prevenção, o tratamento da pessoa com obesidade de forma holística, com destaque àqueles que não conseguem atingir a redução de peso com ações já conhecidas e não estão aptos à cirurgia bariátrica.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários