Sexta, 01 de Julho de 2022
Geral Funarte

Ópera “O Engenheiro”, de Tim Rescala, chega aos palcos do Rio e de Minas

Espetáculo será exibido no Rio de Janeiro, em Petrópolis e Juiz de Fora

23/06/2022 às 16h20
Por: Redação Fonte: Funarte
Compartilhe:
Tim Reskala - (foto: divulgac?a?o)
Tim Reskala - (foto: divulgac?a?o)

A ópera contemporânea “O Engenheiro”, criada por Tim Rescala, é ambientada no dia da Proclamação da República, no ano de 1889, e retrata o último dia do Império no Brasil. O espetáculo terá apresentações no Theatro Municipal do Rio de Janeiro, dia 24 de junho; na Escola de Música da UFRJ, dias 25, 26 e 27; no Teatro Santa Cecília, em Petrópolis, dia 30 de junho, e no Cine-Theatro Central de Juiz de Fora, dia 2 de julho. As exibições têm entrada franca, mediante retirada de ingressos nas bilheterias dos espaços.

A obra tem direção musical de Inácio de Nonno, direção cênica de José Henrique Moreira e direção de movimento de Marcellus Ferreira. O espetáculo conta com a participação da Orquestra Sinfônica da UFRJ, com regência de André Cardoso, Diana Sosa e Rafael de Miranda. A direção geral é dos professores Andrea Adour, Homero Velho e Lenine Santos.

A trama aborda a trajetória do engenheiro André Rebouças (1838-1898), sua proximidade com a Família Real e atuação nos bastidores do emblemático 15 de novembro, com enfoque na visão do engenheiro sobre a escravidão, às reações conturbadas ao acontecimento e até o seu exílio.

O trabalho foi encomendado ao autor como parte da Academia de Ópera, uma das ações do Sistema Nacional de Orquestras Sociais (Sinos). A montagem é uma iniciativa do Projeto Ópera na UFRJ, que engloba a Escola de Música, Escola de Comunicação e de Belas Artes e o Fórum de Ciência e Cultura. O Sinos integra o programa Arte de Toda Gente, uma parceria da Fundação Nacional de Artes – Funarte com a Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), com curadoria da Escola de Música da instituição de ensino.

Sobre o compositor

Um dos mais ativos e premiados compositores brasileiros da atualidade, Tim Rescala estudou na Escola de Música da UFRJ, na Escola de Música Villa-Lobos e no Instituto Villa-Lobos, da UNIRIO. Foi aluno de Hans-Joachim Koellreutter, com quem estudou composição, contraponto e arranjo. Entre os prêmios que já recebeu estão Mambembe, Shell, Coca-Cola, APTR, CBTIJ, entre tantos outros. Com uma ativa carreira em diversos segmentos, atua regularmente como regente convidado, no Brasil e no exterior, com orquestras ou festivais de música com ênfase na música contemporânea. Suas composições são interpretadas em teatros, parques, filmes, seriados e novelas, sendo hoje um dos grandes nomes das trilhas sonoras para televisão e cinema.

O elenco

André Rebouças: Iago Cirino e Paulo Maria
Baronesa de Muritiba: Erika Henriques, Giovanna Toscano, Julia Riera
Conde D’Eu: Rafael Nascimento e Rômulo Nicolay
Francisco: Jessé Bueno e João Campelo
Guarda do Palácio: Moisés Santos Ribeiro
Joaquina: Dani Sardinha e Kássia Lima
Manoela: Mariana Leandro
Princesa Isabel: Carolina Morel, Gabriela Meira e Sarah Saloto
Visconde da Penha: Cristóbal Rioseco e Renato Lima

Orquestra Sinfônica da UFRJ – Direção artística de André Cardoso e Ernani Aguiar

Serviço:

Ópera “O Engenheiro”, de Tim Rescala

24 de junho (sexta), às 19h

Entrada franca

Local:Theatro Municipal

Praça Floriano S/N, Centro, Rio de Janeiro

25 e 26 de junho (sábado e domingo), às 17h e 27 de junho (segunda-feira), às 19h

Entrada franca

Local:Escola de Música da UFRJ, Salão Leopoldo Miguez
Rua do Passeio 98, Centro, Rio de Janeiro

30 de junho (segunda), às 19h

Entrada franca

Local:Teatro Santa Cecília
R. General Osório, 192 - Centro, Petrópolis

2 de julho (sábado), às 19h

Entrada franca

Local:Cine-Theatro Central de Juiz de Fora
Praça João Pessoa, S/N - Centro, Juiz de Fora - MG

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários